21 de dezembro de 2012

Que a gente amanheça com um olhar comprido, capaz de enxergar as miudezas mais belas da vida e um abraço apertado que nos faz distribuir  laços, desmedidos, de vento em vento.
                                                                                                   Priscila Rôde

Nenhum comentário:

Postar um comentário